Clique no banner e entenda nossa proposta (Instituto de Pesquisa e Promoção dos Estados de Cura)
Veja Aqui (Informações sobre Psicoterapia Reencarnacionista e Terapia de Vidas Passadas)
Veja aqui como a hipnose é reconhecida e valorizada em importantes centros médicos
Clique no banner e veja o que é e suas principais indicações de uso!
Clique no banner para saber mais sobre Modulação Hormonal Bioidêntica

HISTÓRICO E CURRÍCULO PROFISSIONAL DR. BRANDÃO

O Dr. Gentil Brandão de Souza, natural de Bossoroca, RS, diplomou-se médico pela Universidade Federal de Santa Maria em julho de 1983. 

No início de 1984, se fixa em Horizontina, RS, iniciando suas atividades profissionais como Clínico geral. 

Durante o segundo semestre de 1984, realiza curso de Anestesia e Terapia Intensiva na Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre. A partir de 1985 passa a desenvolver tais atividades profissionais no Hospital Oswaldo Cruz de Horizontina.

No decorrer dos anos desempenhou concomitantemente as funções de Diretor Clínico por 6 anos e Diretor Geral do Hospital citado acima, por 8 anos(não consecutivamente).

De março do ano de 2000 até novembro de 2001, realiza a formação em Hipnoterapia, nas áreas de Hipnose Clássica e Ericksoniana, pelo Instituto Milton Erickson - Secção Porto Alegre.

Em agosto de 2009 realiza curso de Hipnose Condicionativa, pelo Instituto de Hipnologia.

De abril de 2011 a março de 2012 realiza a formação em Psicoterapia Reencarnacionista e Regressão terapêutica, Escola ligada à Associação Brasileira de Psicoterapeutas Reencarnacionistas de Porto Alegre, à qual o Dr. Brandão é filiado.

Durante estes últimos 12 anos vem participando de vários eventos, congresssos, jornadas de aperfeiçoamento e integração nestas áreas da sua especialização.

No transcorrer de suas atividades de consultório, observava que freqüentemente os problemas emocionais como conflitos nos relacionamentos, demissão, estado de luto, antecediam em um tempo variável o desencadeamento de sintomas físicos, doenças. O que lhe fez desenvolver um interesse especial pelas chamadas somatizações (ou sintomas psicossomáticos ) iniciando assim à estudar e pesquisar mais à fundo estes distúrbios.

Quando se estuda a chamada "Medicina Comportamental" se evidencia a estreita relação que há entre o histórico de vida das pessoas, seu comportamento e o aparecimento de doenças. P. ex., uma pessoa ansiosa busca no cigarro uma forma de alívio e acaba adquirindo com o correr dos anos enfisema pulmonar.

Como que padrões comportamentais originários da educação que se teve podem favorecer o aparecimento de doenças, p. ex., pais muito severos e críticos criam seus filhos angustiados e estressados, propensos à desenvolverem, quando adultos, gastrite nervosa, enxaqueca, hipertensão arterial, etc... e como que tudo isso vai se relacionando uma coisa com a outra.

Na década de noventa participou de vários seminários e congressos sobre estes temas, iniciando uma busca de "ferramentas" terapêuticas para melhor lidar c solucionar esses problemas.

Há vários anos vem divulgando seu trabalho e opiniões sobre estes temas nos jornais da região e neste site, no menu "Leitura Informativa".